Esportes

1 05/02/2018 11:00

No primeiro tempo, empate por 0x0 e algumas dificuldades em impor seu jogo. Na segunda etapa, o desempenho bem melhor garantiu mais um triunfo do Vitória no Campeonato Baiano e consequentemente a liderança da competição. 

Para o técnico Vagner Mancini, a velocidade que o time imprimiu na volta do intervalo foi essencial para que o resultado fosse construído. "(O diferencial foi) O jogo acelerado, que é o jogo do Vitória que faria com que a gente surpreendesse o Bahia de Feira. E isso aconteceu somente no início do segundo tempo. Saiu o gol e naturalmente as coisas  ficaram mais fáceis quando se tem o domínio e controle da partida", analisou o comandante rubro-negro.

Mais uma vez como uma espécie de 12º jogador, Rhayner voltou do intervalo na vaga de Fillipe Soutto e foi peça-chave na evolução do time. Apesar de reconhecer que futuramente o jogador conquistará uma vaga entre os titulares, Mancini prega cautela pelas questões físicas do atleta. 

"O Rhayner não tem o mesmo tempo que os outros atletas. Sexta (2) e sábado (3) tive um papo com ele. Todo mundo sabe que ele vai ter um lugar no time a partir do momento em  que ele desenvolver esse jogo de hoje. Até agora vimos o Rhayner uma parte do jogo. É diferente quando começa jogando. Isso tudo temos que analisar. Não temos a pressa em fazer que ele vire o titular absoluto", explicou.   

Correio







Rua Tiradentes, 30 – 5-º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.571-115
Tel.: (75) 3631-2677 | 3631-2924 | 3631-9500 | 9 9968-9004 (Whatsapp) - Definitivamente a melhor.
© 2010 - Rádio Andaiá FM - Todos os direitos reservados.