Notícias

1 06/06/2017 15:50

A 10ª rodada de negociações entre os vigilantes e os patrões, realizada na sede do Ministério Público do Trabalho (MPT), em Salvador, na manhã desta terça-feira (6), terminou sem acordo, e a greve que completa 13 dias está mantida. Em protesto, após a negociação, a categoria iniciou uma caminhada do MPT para a sede do sindicato, na Baixa dos Sapateiros. 

Uma nova rodada de negociações foi marcada para a tarde de quarta (7), a pedido dos patrões. Eles subiram a proposta de 1% para 3%, o que não foi aceito pela categoria. Inicialmente, os vigilantes pediram reajuste salarial de 7%, que foi reduzido para 6,4%. Além do salário, a categoria reivindica também aumento do tíquete refeição de R$ 12 para R$ 20, cota de 30% dos postos para as mulheres e piso salarial de R$ 1.500.

Por conta da greve, quatro mil perícias agendadas do INSS estão atrasadas na capital. O atendimento em algumas agências bancárias, assim como o funcionamento de nove museus no estado também foram interrompidos por causa da greve.

G1







Rua Tiradentes, 30 – 5-º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.571-115
Tel.: (75) 3631-2677 | 3631-2924 | 3631-9500 | 9 9968-9004 (Whatsapp) - Definitivamente a melhor.
© 2010 - Rádio Andaiá FM - Todos os direitos reservados.