Notícias

1 26/01/2016 17:00

No último final de semana, houve uma situação trágica em Feira de Santana, que culminou na morte de uma idosa, depois de um ataque de um cão da raça pitbull. O fato está sendo apurado pela polícia civil, o inquérito foi instalado e será investigado se a dona do animal vai responder pelo crime culposo ou não.

O adestrador de animais Marcelo André Azevedo, em entrevista ao Acorda Cidade falou sobre as características da raça, a importância do adestramento de cães e o que pode ter ocasionado o ataque. Segundo Marcelo, os pitbulls são cães, ágeis, fortes, dóceis e tranquilos e um fator determinante para o seu comportamento é a criação.

“Existem vários fatores para um cão atacar, qualquer cão pode atacar o ser humano. Desde quando ele não é um cão adestrado, ele tem uma criação irregular. A gente precisa conhecer a raça do cão, porque existem alguns critérios. O pitbull é um cão dócil, tranquilo, é uma raça tranquila, mas tudo vai de uma criação, correta porque o cão quando é desestabilizado a qualquer momento ele pode vir a atacar”, afirmou.

O adestrador comentou que no caso do ataque que houve em Feira de Santana, é muito importante investigar sobre a criação e o comportamento do cachorro. Há possibilidade do cão ter estranhado a idosa, porque ela estava com roupas diferentes do que usava habitualmente, ou o cão tenha tido realmente problemas na criação. 

“Ele pode não ter reconhecido e pode ter atacado por isso também. O guarda- chuva que a senhora usava pode ter apresentado uma ameaça e então ele pode ter atacado por esse motivo. Deve ser investigado como esse cachorro estava sendo criado, se estava sendo criado acorrentado, porque hoje não é mais permitido um cão ficar acorrentado, com coleira. Isso tudo trás transtorno para o cão, modifica o comportamento dele, desestabiliza por completo o animal”, completou.

Tribuna da Bahia







Rua Tiradentes, 30 – 5-º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.571-115
Tel.: (75) 3631-2677 | 3631-2924 | 3631-9500 | 9 9968-9004 (Whatsapp) - Definitivamente a melhor.
© 2010 - Rádio Andaiá FM - Todos os direitos reservados.