Notícias

1 15/09/2015 15:40

A observação foi feita pela ONU-Organização das Nações Unidas ONU: “o esporte, mesmo que tenha como princípio o desenvolvimento físico e da saúde, serve também para a aquisição de valores necessários para coesão social e mundial”.

De acordo com o organismo, esporte é muito mais que simples disputas em estádios e ginásios. “Cada vez mais cresce a sua importância como ferramenta de inclusão social.”

São muitas as evidências científicas do impacto do esporte no alunado, como a melhora na frequência escolar e no nível de retenção do aprendizado.

Uma oportunidade para incentivar a prática esportiva e evidenciar o talento de jovens atletas baianos em diversas modalidades ocorreu em Salvador durante a seletiva dos Jogos Escolares da Juventude 2015, reunindo mais de 500 estudantes de 98 instituições de ensino, públicas e privadas, de 21 municípios, em julho de 2015.

Segundo o coordenador de Apoio ao Esporte da Superintendência de Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), Paulo César Lima, além de promover o evento, o Governo do Estado assegurou todos os exames (avaliação médica) dos estudantes de Salvador, tanto os da rede estadual quanto os da rede municipal de ensino.

“É uma competição importantíssima onde se tem oportunidade de interagir com vários municípios e estados. Um trabalho social muito grande de formação do cidadão.”

E que deixa marcas, como revela a fala do estudante de Lagoa do Salitre, zona rural de Juazeiro, Eliel de Sá, 12 anos. “Nunca vou esquecer no resto da minha vida.”

Além disso, exercita-se no esporte lições de cidadania e solidariedade, de respeito e honestidade, como destaca o professor Ferrerinha. "Só se encontra o atleta quando se encontra primeiro o grande cidadão", diz.

O governador Rui Costa relaciona o fortalecimento da educação ao desenvolvimento econômico do estado. “A Bahia possui hoje a segunda maior rede de ensino profissionalizante do país. Com o fortalecimento da educação, nós teremos também mão de obra de melhor qualidade. Então essa parceria com o segmento empresarial é um círculo virtuoso que tem o potencial inclusive de atrair mais empresas para o estado, gerando mais emprego e renda para a nossa população.”

Em março de 2015 o governo baiano lançou o programa Educar para Transformar, com cinco objetivos principais: a colaboração entre estado e municípios, o fortalecimento da educação básica, da educação profissional, e as parcerias com escolas, além da integração entre famílias e escolas.

O papel do esporte

A contribuição do esporte para a educação foi o tema, por exemplo, do 5º Diálogo Educação, realizado em meados de 2014 no Rio de Janeiro, quando se destacou o papel do esporte na educação integral, o direito ao esporte, estabelecido pela Convenção sobre os Direitos da Criança e em outros tratados internacionais, e os benefícios das atividades físicas para o desenvolvimento dos jovens.

A conclusão do encontro foi a de que a atividade melhora a autoestima, controla o estresse e a predisposição para doenças crônicas, além de diminuir a sedução pelos hábitos não saudáveis.

Tribuna da Bahia







Rua Tiradentes, 30 – 5-º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.571-115
Tel.: (75) 3631-2677 | 3631-2924 | 3631-9500 | 9 9968-9004 (Whatsapp) - Definitivamente a melhor.
© 2010 - Rádio Andaiá FM - Todos os direitos reservados.