Esportes

1 23/10/2017 15:00

O árbitro que apitou o Ba-Vi de domingo (22), na Fonte Nova, Marcelo de Lima Henrique, registrou na súmula da partida que o volante Renê Júnior, do Bahia, afirma ter sido chamado de “macaco” pelo atacante Tréllez, do Vitória.

“Aos 45 mais 2 minutos do segundo tempo, quando a bola estava fora de jogo, o atleta nº 23 Renê dos Santos Júnior, da equipe do E.C. Bahia, veio em minha direção informando que o atleta nº22 Santiago Tréllez da equipe do E.C. Vitória o chamou de ‘macaco’. Cabe ressaltar que o fato não foi presenciado por mim e por nenhum membro da equipe de arbitragem”, escreveu Marcelo de Lima Henrique.

O fato gerou confusão no final do clássico. Renê Júnior saiu furioso de campo, chorou na entrada do vestiário, mas depois afirmou que não vai prestar queixa na delegacia. Tréllez saiu o estádio driblando a imprensa e, horas depois, publicou um vídeo afirmando que os dois trocaram ofensas em um lance da partida, mas negando que tenha cometido injúria racial.

Correio







Rua Tiradentes, 30 – 4º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.571-115
Tel.: (75) 3631-2677 | 3631-2924 | 3631-9500 | 9 9968-9004 (Whatsapp) - Definitivamente a melhor.
© 2010 - Rádio Andaiá FM - Todos os direitos reservados.