Esportes

1 20/07/2018 10:40

O jejum de gols acabou, o primeiro ponto fora de casa na Série A foi conquistado, mas nada disso foi suficiente para que o Bahia conseguisse deixar a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. O gol de Gilberto aos 33 minutos do segundo tempo parecia o do triunfo na Arena Condá, em Chapecó (SC), mas Osman conseguiu o empate para a Chapecoense. Agora, o tricolor vai para o Ba-Vi de domingo (22), às 16h, na Fonte Nova, ainda mais pressionado por um resultado positivo.  

Como era esperado, o técnico Enderson Moreira promoveu a estreia do lateral direito Bruno e do centroavante Gilberto já como titulares nesta quinta-feira (19). Com uma postura totalmente diferente da que apresentou na derrota de 2x0 diante do Vasco, pela Copa do Brasil, o tricolor conseguiu dominar as ações da partida no primeiro tempo com posse de bola e movimentação intensa no setor ofensivo.

A primeira boa finalização do tricolor foi de Zé Rafael, em chute rasteiro de fora da área, que o goleiro Jandrei segurou firme. A melhor oportunidade do Bahia aconteceu aos 35 minutos. 

Gilberto foi lançado em profundidade, driblou o zagueiro Rafael Thyeri na velocidade e foi derrubado por Jandrei dentro da área. O árbitro Rodolpho Toski Marques, no entanto, não marcou nada. Detalhe que Gilberto tocou na bola e recebeu o contato do goleiro. “Foi muito pênalti”, disse o jogador tricolor no intervalo. 

Antes da chuveirada, o volante Elton ainda tentou em mais um chute rasteiro de fora da área, após bom passe de Edigar Junio, mas Jandrei fez nova defesa.

Tentando responder ao bom primeiro tempo que fez o Bahia, o técnico da Chapecoense, Gilson Kleina, tirou o volante Luiz Antônio para colocar mais um atacante, Leandro Pereira. 

Aos 18 minutos do segundo tempo, Enderson Moreira também fez uma alteração que já era prevista. O lateral direito Bruno, que não atuava desde o dia 17 de março, deixou o campo para a entrada do volante Flávio.

Depois de algumas tentativas sem sucesso do time da casa, o tricolor voltou a tomar a iniciativa da partida e chegou por duas vezes com perigo pelo lado esquerdo. Na primeira, Elton tentou o cruzamento rasteiro, mas a zaga cortou. Na segunda, Léo encontrou Edigar na área, o camisa 11 ajeitou para Vinícius, mas antes que o meia finalizasse, Luiz Otávio apareceu para cortar. 

Artilheiro nato 

Após Bruno, foi a vez de Edigar Junio demonstrar sinais de cansaço e ser substituído por Élber. O Bahia continuava com maior controle do jogo, mas ainda tinha dificuldades no último passe. Aos 33 minutos, no entanto, o gol finalmente saiu. 

Léo encontrou Elton na esquerda, o volante cortou a marcação e cruzou na medida para Gilberto cabecear no fundo das redes. O camisa 9 mostrou o faro de gol que a torcida esperava e que o time tanto precisava. Interrompeu um jejum da equipe de quatro jogos sem marcar.

A alegria tricolor, no entanto, durou apenas seis minutos. Aos 39, Eduardo cruzou na área e Osman apareceu em velocidade para pegar de primeira e empatar a partida. Fim de papo: 1x1. 

O resultado manteve o Bahia em 17° lugar, agora com 13 pontos após 13 rodadas. O América-MG, em 16°, tem 14 pontos.

Correio







Rua Tiradentes, 30 – 4º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.571-115
Tel.: (75) 3631-2677 | 3631-2924 | 3631-9500 | 9 9968-9004 (Whatsapp) - Definitivamente a melhor.
© 2010 - Rádio Andaiá FM - Todos os direitos reservados.