Entretenimento

1 05/10/2016 10:50

O filme "Que horas ela volta?" foi o grande vencedor do 15º Prêmio do Cinema Brasileiro, que aconteceu na noite desta terça-feira (4) no Theatro Municipal, no Rio de Janeiro. O longa dirigido por Anna Muylaert venceu nas categorias melhor filme, melhor diretor, melhor atriz (Regina Casé), melhor atriz coadjuvante (Camila Márdila), melhor montagem ficção, melhor roteiro original e melhor longa-metragem ficção (Voto Popular).

O segundo filme mais premiado da noite foi "Chatô - O rei do Brasil', de Guilherme Fontes, que venceu em cinco categorias: melhor roteiro adaptado, melhor figurino, melhor maquiagem, melhor direção de arte e melhor ator.

Estrelado por Regina Casé, "Que Horas Ela Volta?" jogou luz à relação entre patrão e empregada, e tentou uma vaga ao Oscar de filme estrangeiro. Já "Chatô", que conta a história delirante do magnata da comunicação Assis Chateaubriand, demorou 20 anos para ser lançado, graças a polêmica prestação de contas com o poder público.

Um dos maiores nomes da bilheteria nacional, Daniel Filho foi o grande homenageado da noite. Diretor de sucessos como "Se eu fosse você" (1 e 2) e "Chico Xavier", Daniel também concorria ao ao prêmio de direção por "Sorria, Você Está Sendo Filmado", mas perdeu para Anna Muylaert ("Que horas ela volta?").

Confira a lista completa de todos os vencedores do 15º Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

Melhor longa-metragem de ficção
"Que horas ela volta?", de Anna Muylaert

Melhor longa-metragem documentário
"Chico – Artista brasileiro", de Miguel Faria Jr

Melhor longa-metragem comédia
"Infância", de Domingos Oliveira

Melhor longa-metragem animação
"Até que a Sbórnia nos separe", de Otto Guerra

Melhor direção
Anna Muylaert ("Que horas ela volta?")

Melhor atriz
Regina Casé ("Que horas ela volta?")

Melhor ator
Marco Ricca ("Chatô – O rei do Brasil")

Melhor atriz coadjuvante
Camila Márdila ("Que horas ela volta?")

Melhor ator coadjuvante
Chico Anysio ("A hora e a vez de Augusto Matraga")

Melhor direção de fotografia (empate)
Adrian Teijido ("Órfãos do Eldorado")
Mauro Pinheiro Jr ("Sangue azul")

Melhor roteiro original
Anna Muylaert ("Que horas ela volta?")

Melhor roteiro adaptado
Guilherme Fontes, João Emanuel Carneiro e Matthew Robbins ("Chatô – O rei do Brasil")

Melhor direção de arte
Gualter Pupo ("Chatô – O rei do Brasil")

Melhor figurino
Rita Murtinho ("Chatô – O rei do Brasil")

Melhor maquiagem
Maria Lucia Mattos e Martín Macias Trujillo ("Chatô – O rei do Brasil")

Melhor efeito visual
Robson Sartori ("A estrada 47")

Melhor montagem ficção
Karen Harley ("Que horas ela volta?")

Melhor montagem documentário
Diana Vasconcellos ("Chico – Artista brasileiro")

Melhor som
Bruno Fernandes e Rodrigo Noronha ("Chico – Artista brasileiro")

Melhor trilha sonora original
Zbgniew Preisner ("A história da eternidade")

Melhor trilha sonora
Luiz Claudio Ramos, a partir da obra de Chico Buarque ("Chico – Artista brasileiro")

Melhor longa-metragem estrangeiro
"O sal da terra", de Wim Wenders e Juliano Ribeiro Salgado

Melhor curta-metragem de animação
"Égun", de Helder Quiroga

Melhor curta-metragem documentário
"Uma família ilustre", de Beth Formaggini

Melhor curta-metragem ficção
"Rapsódia de um homem negro", de Gabriel Martins

UOL







Rua Tiradentes, 30 – 5-º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.571-115
Tel.: (75) 3631-2677 | 3631-2924 | 3631-9500 | 9 9968-9004 (Whatsapp) - Definitivamente a melhor.
© 2010 - Rádio Andaiá FM - Todos os direitos reservados.